PPM prefere dois mandatos no máximo

Partido sugere obrigatoriedade de cumprir mandato e redução do número de deputados

07 Dez 2017 / 10:22 H.

O Partido Popular Monárquico (PPM) concorda com a limitação de mandatos para o cargo de presidente do governo regional, mas preferia que fosse limitado a dois de quatro anos cada. No caso dos 12 anos a estabelecer na revisão do Estatuto Político-administrativo da Região, João Noronha quer que o presidente eleito seja abrigado a cumprir na íntegra, excepto por questões de doença ou morte.

Ainda na questão da revisão do Estatuto, o PPM defende a redução do número de deputados, pois considera 47 um número demasiado elevado tendo em conta a população.

Tópicos

Outras Notícias