Penedo do Sono vai ser transformado em alojamento turístico

30 Nov 2016 / 21:19 H.

O governo madeirense abriu um concurso público no valor de 780 mil euros para transformar a infraestrutura lúdica do Penedo do Sono, no Porto Santo, que custou 2,3 milhões de euros, em unidade hoteleira ou alojamento local.

A decisão, hoje publicada no Jornal Oficial da Região, refere que a medida “tem por objeto a concessão de exploração do empreendimento denominado Zona Lúdica do Penedo do Sono, no Sítio do Penedo, Porto Santo, para a instalação e exploração de um estabelecimento hoteleiro ou alojamento local”.

O local estava ao abandono desde 2011 e encontra-se, desde essa data, em avançado estado de degradação, sem bares ou restaurantes abertos.

O contrato de concessão de exploração é válido por 25 anos, tendo um valor base de 780 mil euros, e será escolhida a “proposta economicamente mais vantajosa”, com relevância para o “valor monetário mais elevado proposto, que não poderá ser inferior ao valor base definido”, refere a Sociedade de Desenvolvimento do Porto Santo (SDPS) no edital de abertura do concurso.

A Zona Lúdica de Porto Santo contemplou a construção de uma área de passeio e de um conjunto de nove bares e restaurantes que depois foram concessionados à exploração de privados, tendo custado ao erário público 2,3 milhões de euros, através da SDPS.

Em 12 de agosto de 2003, o ex-presidente do Governo Regional da Madeira, Alberto João Jardim, inaugurou a infraestrutura.

Tópicos

Outras Notícias