Parque Ecológico dinamiza plantações

As acções de plantação têm lugar aos Sábados, até ao final de Março.

19 Jan 2018 / 12:45 H.

À semelhança do que tem acontecido nos anos anteriores, o Parque Ecológico do Funchal tem em curso mais uma campanha de reflorestação, para a qual apela à participação de todos os cidadãos.

As acções têm lugar todos os Sábados, até ao final do mês de Março, e visam não só contribuir para a recuperação do coberto vegetal da área do Parque, mas também servir de sensibilização e informação para a necessidade de preservação das diferentes espécies indígenas.

Estas saídas de campo com plantação associada decorrem entre as 8h30 e as 15h30, estando abertas à participação individual ou de grupos, nomeadamente empresas ou outras entidades que se queiram associar a esta causa. Os interessados deverão fazer a inscrição em formulário próprio (disponível em http://bit.ly/2FV65Ig) ou contactar o Parque Ecológico do Funchal através do 291784700 para mais informações.

Saliente-se que é recomendado aos participantes o uso de roupa e calçado confortáveis e quentes, já que a temperatura, por regra, é mais baixa do que no centro da cidade. Deverão levar a água e alimentação que entendam necessárias.

De referir que o Parque Ecológico do Funchal foi criado em 1994, pela Câmara Municipal do Funchal, reconhecendo a importância da preservação dos perto de 10km2 que o compõem, maioritariamente em terreno acidentado e montanhoso, na cabeceira do anfiteatro do Funchal, entre os 470, na zona dos Tornos (Ribeira de Santa Luzia) e os 1818 metros de altitude, no Pico do Areeiro.

Nos últimos anos, os trabalhos de recuperação do seu coberto vegetal tem sido posto em causa pelos violentos incêndios que, consecutivamente, têm dizimado zonas virgens ou entretanto intervencionadas. Neste momento, o Parque prepara um conjunto de medidas a colocar no terreno, na sequência do Plano de Gestão Florestal (PGF) do Parque Ecológico do Funchal, apresentado no passado mês de Novembro, e que se assume como uma ferramenta estruturante no planeamento e gestão florestal do concelho, evidenciando a sustentabilidade e sendo economicamente viável, nas seus três vertentes ambiental, recreativa e turística.

  • 1
    $tempAlt.replaceAll('"','').trim()