‘Memórias com futuro’ é o mote para o novo ano lectivo da Universidade sénior no Porto Santo

12 Out 2018 / 17:55 H.

O ano lectivo da universidade sénior do Porto Santo arrancou, esta sexta-feira, e conta com quase 40 ‘jovens’ alunos (as). Estiveram presentes na sessão de abertura as entidades locais, bem como Rubina Leal, convidada para falar aos alunos, no sala multimédia no campo experimental do Farrobo.

Num projecto conjunto entre a direcção para administração pública do Porto Santo e a junta de freguesia local, arrancou esta sexta-feira o ano lectivo, 2018-19, que este ano vai ter muitas aulas, no centro de juventude da ilha dourada.

Quase 40 alunos e alunas vão dar o seu melhor neste ano lectivo, onde vão ter igualmente novas disciplinas e novos professores a leccionar.

Em declarações ao DIÁRIO, a oradora convidada quis dar os parabéns “a todos aqueles tornaram possível esta universidade sénior. “Nem sempre na vida das pessoas elas têm a oportunidade de poder decidir apreender, experimentar ou de fazer coisas diferentes, e de fato a formação ao longo da vida é fundamental”, sublinhou Rubina Leal.

Já Rute Areal, umas docentes e também uma das responsáveis por este projecto, revelou ao DIÁRIO ter esperança que este ano lectivo “decorra da melhor forma possível, como tem acontecido até agora”. “Temos um grupo fantástico que mostra que esta terceira idade tem muito para dar”, frisou.

A professora revelou ainda que este ano lectivo o programa incidirá nas tradições do Porto Santo (histórias do antigamente, gastronomia, etc.) com alguns projectos nas escolas do primeiro ciclo.

Para este ano lectivo 2018-19, o slogan para acção dos universitários sénior porto-santenses, será ‘Memórias com Futuro’.

Outras Notícias