Madeira e Açores querem reforçar cooperação na mobilidade entre os arquipélagos

23 Jan 2018 / 19:23 H.

Os presidentes dos governos regionais da Madeira e dos Açores, Miguel Albuquerque e Vasco Cordeiro, manifestaram-se hoje consonantes quando à necessidade reforçar a cooperação ao nível da mobilidade entre os dois arquipélagos.

“A nossa ideia é que, se queremos aprofundar as relações entre os dois arquipélagos, temos que reforçar a cooperação ao nível da mobilidade, não só ao nível do transporte aéreo, mas também ao nível da mobilidade digital através dos cabos submarinos”, afirmou Miguel Albuquerque, após a primeira reunião de trabalho no Funchal, no âmbito da Cimeira Atlântica Madeira/Açores, que decorre até quinta-feira.

Vasco Cordeiro reforçou, por seu lado, que os transportes e a economia são matérias para “analisar em detalhe” e considerou que uma das “grandes riquezas” da parceira entre as duas regiões autónomas é a consciência da importância que há em fortalecer a cooperação.

As delegações açoriana e madeirense, compostas por governantes e empresários, iniciaram, entretanto, um conjunto de visitas que passam pela Universidade da Madeira, o Madeira Interactive Technologies Institute (M-ITI), diversas empresas comerciais e o Centro de Maricultura da Calheta, terminando na quinta-feira, 25 de janeiro, com uma reunião com entidades empresariais e associações.

“Umas das áreas que queremos aprofundar é a da investigação científica e tecnológica”, vincou Miguel Albuquerque, considerando que o trabalho já desenvolvido na sequência da primeira cimeira, que decorreu nos Açores em 2016, é “extremamente positivo”.

Tópicos

Outras Notícias