Liliana Rodrigues nomeada para relatório sobre as regiões ultraperiféricas

14 Nov 2017 / 16:24 H.

A eurodeputada Liliana Rodrigues foi nomeada, esta terça-feira, pelo Grupo Socialista do Parlamento Europeu, para acompanhar o relatório ‘Uma parceria estratégica reforçada e renovada com as regiões ultraperiféricas da UE’, no âmbito da Comissão de Cultura e Educação.

Liliana Rodrigues recebeu com agrado a oportunidade de trabalhar numa temática relacionada com as regiões ultraperiféricas (RUP) da União Europeia, em que se inclui a Madeira. A eurodeputada socialista afirmou que o pretendido é criar uma “nova abordagem sobre a forma de impulsionar o desenvolvimento das regiões ultraperiféricas, em áreas como o emprego e a educação, e ajudar a impulsionar as áreas culturais e criativas”.

Na UE, a área cultural é responsável pela criação de sete milhões de postos de trabalho. 30 milhões em todo o mundo. Liliana Rodrigues referiu que “o potencial da cultura, em termos de crescimento económico e de emprego é indiscutível e esta perspectiva sobre cultura não pode ser negligenciada. Por outro lado, também não pode ser o único aspecto a ter em conta”. A eurodeputada acrescentou ainda que “devemos perguntar às RUP quais são as suas prioridades de investimento em termos culturais, quais são os projectos que querem ver apoiados e que tipo de cultura querem ver para os seus cidadãos”.

Este relatório surge após o memorando das RUP, apresentado no passado mês de Outubro e discutido na Conferência dos Presidentes das RUP, na Guiana Francesa. A realização do documento contou com a participação da Comissão Europeia, Parlamento Europeu, Conselho Europeu, Comité das Regiões, Comité Económico e Social Europeu e do Banco Europeu de Investimento.

Outras Notícias