Jaime Leandro acredita que a força do PS para as legislativas é “um bom indicador” para as eleições autárquicasQ

As últimas sondagens para as eleições regionais, publicadas pelo DIÁRIO, dão conta de algumas mudanças nos vários partidos regionais. O PS reage aos resultados

19 Jun 2017 / 20:51 H.

Chamam-se sondagens por isso mesmo: são uma pesquisa que reflecte a opinião dos inquiridos e podem ser um indicador da direcção da opinião pública na altura dessa investigação. A última, um estudo levado a cabo pela Eurosondagem S.A e publicado no passado Domingo pelo DIÁRIO, mostra como evoluiriam os votos dos madeirenses se as eleições regionais acontecessem hoje.

No caso do PS, o estudo confirma a tendência revelada em sondagens anteriores e mostra que o partido ocuparia mais assentos na Assembleia Legislativa da Madeira: subiria dos actuais seis deputados que alcançou com 11,43% dos votos para a coligação Mudança (PS-PTP-PAN-MPT) em 2015. Se as eleições fossem hoje, revela o estudo realizado entre 7 e 9 de Junho deste ano, os democratas sentariam 15 a 16 deputados e teriam menos 10,4% dos votos do que os PSD.

Outras Notícias