Higino Teles denuncia “malabarismos, fraudes e mentiras” da esquerda

21 Mar 2017 / 09:45 H.

“Dois pesos e duas medidas” é como Higino Teles classifica a relação do governo da República em relação às regiões autónomas, com prejuízo da Madeira.

O deputado do PSD fez uma intervenção, no período antes da ordem do dia, na ALM, em que acusou o PS e a “geringonça de esquerda radical” de tudo rejeitar quando vem da Madeira e ter uma atitude diferente em relação aos Açores.

Higino Teles lembrou várias situações, como a linha de ferry, em que os partidos que suportam o governo defendem, na Madeira e rejeitam, em Lisboa.

“Malabarsimos, fraude e mentira”, é como classifica o comportamento da “geringonça”.

O deputado também acusou a oposição regional de “se desdobrar em iniciativas” sobre assuntos já resolvidos.

Comentando declarações recentes da oposição, que acusou o PSD de fazer uma ‘renovação recauchutada”, lembrando que a bancada social-democrata tem 66% de deputados novos.

Outras Notícias