Filipe Sousa critica atraso nas novas rotas de transportes

19 Nov 2017 / 12:09 H.

O Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz esteve hoje em contacto com a população, para denunciar aquele que considera ser um inaceitável atraso do Governo Regional no lançamento das novas rotas de transporte público que foram propostas pela autarquia.

Filipe Sousa lembrou que as propostas a inserir na nova rede de transportes regional mereceram o aval do executivo, que agora tarda em lançar concurso para as mesmas.

O autarca lamenta que esta inércia atrase rotas de transporte público que em muito iriam beneficiar a população, principalmente os estudantes. Lembrou, a propósito, que as rotas estavam previstas para o primeiro trimestre de 2018, mas que com estes atrasos tem informações de que as mesmas só se efectivem em Agosto do próximo ano.

“A Câmara teve a responsabilidade de intervir nas acessibilidades, criando condições para as novas rotas propostas ao Governo Regional que, numa primeira fase, aceitou, mas agora adormeceu sobre o prometido”, criticou.

Num outro âmbito, Filipe Sousa anunciou, também, o pacote fiscal recentemente aprovado em reunião de Câmara, realçando que o Município manterá os impostos no mínimo. É o caso do IMI, do IMI Familiar e da devolução de 20% do IRS.

O Presidente da Câmara lamentou, ainda, que este mandato se tenha iniciado com os mesmos tiques por parte do PSD, que, na última reunião de Câmara, se absteve na aprovação de uma proposta que permitirá a abertura de um Julgado de Paz no Caniço, ao serviço de todo o concelho de Santa Cruz.

Filipe Sousa disse que esta é uma medida social, que vai permitir o acesso à justiça e a resolução de pequenos conflitos que muito preocupam as pessoas sem recursos para recorrer aos tribunais. “Infelizmente, o PSD considerou que esta medida social não é prioritária, e mesmo quando questionado sobre o que seria então prioritário, foi incapaz de avançar com uma única medida. Como sempre, o PSD prefere assobiar para o lado”.

Na ocasião, o presidente da Junta de Freguesia de Santa Cruz também usou da palavra para informar a população de várias iniciativas inseridas nas festividades de Natal, como é o caso da Mostra da Tangerina e do Concurso de Presépios.