Conselho Regional de Educação e Formação Profissional ainda não é realidade

Grupo parlamentar do PS questiona governo sobre atraso na reactivação deste órgão consultivo

18 Mai 2018 / 12:55 H.

Para quando a reactivação do Conselho Regional de Educação e Formação Profissional (CREFP)? A questão é levantada pelo PS em documento enviado à redacção, dando conta dos passos que foram dados no plenário madeirense para o regresso deste órgão consultivo do Governo Regional em matéria de educação e alertando para a falta de concretização, passados seis meses desde a aprovação do diploma.

O CREFP é um órgão consultivo criado com o objectivo de colaborar na definição das políticas educativas e de formação profissional em 1998 e que funcionou até 2005.

“No plano político, o PS considera essencial que as linhas orientadoras e estratégias para a Educação e Formação Profissional sejam discutidas e definidas contando com os contributos de diversos actores da sociedade, promovendo-se assim uma democracia mais participada, não limitada ao Parlamento Regional”, defende Sofia Canha, chamando a atenção para a importância de colocar este órgão a trabalhar no sentido de alargar a discussão de temas actuais, como a reorganização da rede de escolas, a acção social escolar, o combate ao abandono escolar, o ensino profissional e profissionalizante, a formação ao longo da vida, as respostas sociais da escola aos alunos e famílias, as condições de trabalho dos docentes, as suas carreira e avaliação, a articulação entre as instituições educativas e as famílias, o combate ao insucesso e a avaliação do sistema educativo, entre outras, identificou em nome do grupo parlamentar do PS.

Outras Notícias