Cidadão finlandês desaparecido desde ontem à noite na Madeira

13 Jan 2018 / 21:27 H.

Ari Ahonen, um cidadão finlandês de 35 anos, que está a passar férias na Madeira, está desaparecido desde ontem à noite, dia 12 de Janeiro, no Funchal. O alerta foi dado por um familiar do jovem que já terá contactado as autoriadades regionais, nomeadamente os meios policiais, o Consulado finlandês, hospitais e os guias turísticos da TUI.

No apelo feito hoje no facebook, por Jenni Heiskanen, a familiar apela a quem souber do seu paradeiro, que contacte a polícia, no Funchal e deixa alguns dados sobre o turista desaparecido. Segundo o ‘post’, Ari Ahonen tem 1,73 metros de altura, peso médio, cabelo castanho (curto nos lados) e olhos castanhos claro. Tem uma tatuagem enorme no ombro esquerdo e, na última vez em que foi visto, usava calções e ténis brancos.

Está de férias na Madeira e ninguém sabe do seu paradeiro desde ontem. O telemóvel encontra-se desligado, situação que preocupa ainda mais os familiares.

o DIÁRIO contactou o Hotel Dorisol, no Funchal, onde o finlandês está hospedado, mas não foi possível obter qualquer informação, uma vez que a política do hotel não faculta nenhum dado referente aos clientes.