Candidatura do PSD diz ter sido impedida de visitar quartel dos bombeiros de Santa Cruz

15 Set 2017 / 22:00 H.

A candidatura do PSD à Câmara Municipal de Santa CRuz, liderada por Roquelino Ornelas, afirma que foi impedida de visitar o quartel dos Bombeiros de Santa Cruz, esta tarde.

O candidato assumiu que, apesar de ter sido efectuado o pedido à Câmara Municipal de Santa Cruz e da resposta ter sido afirmativa, a candidatura do PSD àquele município não teve autorização para visitar as instalações. “O senhor presidente da Câmara de Santa Cruz visitou as instalações e deu ordens para que não visitássemos o interior”, afirmou Roquelino Ornelas.

O candidato social-democrata salientou que, apesar de se limitarem ao espaço exterior, a receptividade foi positiva por parte dos comandantes e dos bombeiros da corporação. “Mas não era essa a nossa intenção, era efectuar a visita, como é costume fazer e como o senhor Filipe Sousa fez durante anos quando esteve na oposição”, acrescentou Roquelino Ornelas, lamentando esta atitude enquanto presidente da Câmara.

Roquelino Ornelas disse ser intenção da candidatura dotar a corporação de mais meios humanos, de modo a que “fiquem à altura da grande missão que têm”. “A média de idades nesta corporação é muito alta, as pessoas são submetidas a um trabalho de grande desgaste”, referiu o candidato, sublinhando que se não houver esse reforço “em pouco tempo corremos o risco de não termos meios para o essencial”.

O candidato lembrou a promessa feita pelo JPP para a reposição dos quadros, que se “extinguiu com o fogo”.

Por fim, o candidato salientou que, apesar de a taxa de Protecção Civil render mais 400 mil euros, apenas foram investidos 30 mil euros com os Bombeiros Municipais, o que considera ser “muito pouco”.

Outras Notícias