‘Barbeito 30 Anos Malvasia Vó Vera’ premiado no Porto

‘Essência do Vinho 2017’ distinguiu dois vinhos do Douro e o Vinho Madeira na prova ‘TOP 10 Vinhos Portugueses’

Porto /
24 Fev 2017 / 21:55 H.

Dois vinhos do Douro - um branco e um tinto - e um vinho fortificado da Madeira venceram a prova “TOP 10 Vinhos Portugueses” da Essência do Vinho deste ano que decorreu quinta-feira no Palácio da Bolsa, no Porto.

O vinho fortificado que recolheu a preferência do júri foi o Barbeito 30 Anos Malvasia Vó Vera, um vinho da Madeira elaborado pela Barbeito, com autoria de Ricardo Diogo Freitas.

A eleição dos vinhos esteve a cargo de um painel de jurados composto por 40 especialistas, entre os quais jornalistas, críticos de vinhos, bloguistas, de 12 nacionalidades, que avaliou um total de 61 vinhos pré-selecionados.

Na vertente de bonificados, em segundo e terceiro lugares ficaram, respetivamente, o vinho do Porto Kopke Colheita 1957 da Sogevinus Fine Wines, e um da Península de Setúbal, o Bacalhôa Moscatel de Setúbal Superior de 1995.

Já o vinho branco com mais elevada classificação foi o Alves de Sousa Pessoal 2008, do produtor Domingos Alves de Sousa, com enologia do filho, Tiago Alves de Sousa, do Douro. Nesta categoria, em segundo lugar, ficou o vinho Quinta de Santiago Alvarinho, reserva de 2015, da Nenúfar Real.

Também do Douro, o melhor vinho tinto eleito é o Passagem Grande Reserva 2009, elaborado pela Quinta das Bandeiras, com enologia de Jorge Moreira, no segundo posto ficou o Menino António Alicante Bouschet (2014) e no terceiro o Quinta da Touriga Chã (2014).

Com pontuação ex-aequo, em quarto lugar no que respeito aos vinhos tintos, foram eleitos o Chriseya 2014, Symington Family Estates, Douro, e o Pedra Cancela Amplitude 2013, Pedra Cancela, Dão.

A organização da Essência do Vinho, que decorre até domingo no Palácio da Bolsa, no Porto, agendou para esta noite, em jantar cerimónia na Feitoria Inglesa, o anúncio dos vencedores.

Outras Notícias