Assembleia Municipal de Santana aprova orçamento para 2018 e mantém IMI nos valores mínimos

19 Dez 2017 / 15:48 H.

A autarquia de Santana aprovou esta manhã, em reunião da Assembleia Municipal, a manutenção da taxa mínima do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e a aplicação do IMI Familiar, que permite às famílias do concelho uma poupança significativa.

Foi ainda aprovado por unanimidade a devolução de 100% da participação variável do imposto sobre Rendimento das Pessoas Singulares, a Taxa Municipal dos Direitos de Passagem e o não lançamento do imposto da Derrama para o ano de 2018.

Por maioria, foram aprovadas as propostas do Orçamento para 2018, a atribuição de despesas de representação ao chefe de divisão administrativa jurídica e financeira, em regime de substituição e a designação de um júri para o recrutamento de uma pessoa para o cargo de direcção intermédia de 2.º grau.

Outras Notícias