Amnistia Internacional Portugal vem à Madeira para falar dos direitos humanos

De 30 de Julho a 4 de Agosto, Pedro Neto, director executivo, fará diversas iniciativas na Regiao

27 Jul 2018 / 16:51 H.

O Director Executivo da Amnistia Internacional Portugal chega à Madeira na próxima segunda-feira, dia 30 de Julho para uma acção de divulgação dos direitos humanos. Nesta visita, que terá a duração de quase uma semana, Pedro Neto pretende estabelecer vários contactos com entidades regionais para abordar a temática dos direitos humanos.

Na terça, dia 31, fará uma visita ao Estabelecimento Prisional do Funchal junto do Coordenador do Núcleo Amnistia Internacional Funchal. à tarde, terá uma sessão aberta ao público para esclarecimentos sobre o trabalho desenvolvido pela Amnistia Internacional, o movimento global e nacional.

Na sexta-feira, 3 de Agosto, será feita uma vigília e recolha de assinaturas pelos direitos humanos na Venezuela, através da petição ‘Queremos Viver - SOS Venezuela’ da AI Portugal, apelando à participação da comunidade venezuelana que reside na Madeira.

As assinaturas recolhidas serão depois enviadas ao secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, e ao presidente da Venezuela, Nicolás Maduro Moros.

Pedro Neto finaliza a visita à região, no sábado dia 4 de Agosto, com uma Sessão de Acolhimento de novos membros ao Núcleo do Funchal.

Para mais informações poderá seguir a página do Núcleo Amnistia Internacional Funchal em facebook.com/nucleoaifunchal