Ventos e Turismo

17 Abr 2018 / 02:00 H.

    Nas últimas semanas o tema do aeroporto e a TAP têm sido dominantes tanto nos órgãos de comunicação social como nos diferentes órgãos políticos da Região. As alterações climáticas provocados pela ganância das grandes Multinacionais que se deslocaram para a India e China , países onde não existe o mínimo respeito pela natureza, agravaram o principal problema do aeroporto Cristiano Ronaldo que são os ventos cruzados . Face às opiniões contraditórias dos especialistas sobre meteorologia e aviação , a decisão da entidade supervisora em aumentar a velocidade do vento , poderá por em causa a segurança dos passageiros que nos visitam . A alternativa aeroporto Porto Santo também não é viável ,dado que a estadia média do Turista na Madeira é de 5 dias , e não é agradável para os mesmos perderem um dia ou mais em transbordos. A acessibilidade é estratégico para a nossa economia , pois a auto estrada para a Madeira faz-se por ar. Há meses atrás um economista e um presidente da Junta abordaram a necessidade de construir um aeroporto . Hoje os aviões aterram em menor tamanho da pista , não sendo necessário gastar tanto dinheiro como no nosso aeroporto principal. Esta ideia do novo aeroporto, foi objeto de gozo de muitos comentadores , mas esta opção é estratégico para a Região , o aeroporto poderá se chamar Feiticeiro da Calheta ou do Norte , o que importa que tantos Turistas como Residentes tenham uma alternativa face aos acontecimentos meteorológicos que ninguém pode controlar.

    Emanuel Brás

    Outras Notícias