Bom exemplo

01 Mar 2013 / 03:00 H.

    Marta Isabel Gouveia

    Nos últimos tempos, eu, como outros eleitores, temos acompanhado mais a política regional. É sempre assim em tempo de dificuldades, as pessoas despertam para os problemas que resultam da gestão do dinheiro público, que quando é mal feita, tira-lhes o dinheiro do bolso. Tudo isto para constatar que, infelizmente, na política continua a dominar a politiquice, o insulto e a agressividade. Vejo porém um bom exemplo, que vem à lume trazido pelo CDS, partido com o qual nem simpatizava por aí além, fruto da minha educação e formação, que me coloca mais à esquerda. O certo é que esse partido tem-se revelado como o mais responsável, mais preocupado em encontrar soluções para os problemas de quem, como eu, precisa de ver uma luz ao fundo do túnel (somos milhares, acreditem) do que com as trocas e baldrocas dos partidos. Tem apresentado ideias e propostas enquanto os restantes dedicam-se ao insulto, à e à boçalidade. Repito para que percebam, senhores políticos. O que a Madeira precisa é de propostas, de ideias e trabalho para que as condições de vida das pessoas melhorem, precisa de responsabilidade. Não precisa de tontices e de insultos na Assembleia. Sigam o exemplo do CDS e das conferências que esse partido organizou. Eu assisti, foi a primeira vez que fui a uma organização do CDS e gostei da abertura, do painel de especialistas que trouxeram propostas novas, do debate, da seriedade e do profissionalismo com que foram feitas as coisas. Um bom exemplo. Que tenha continuidade.

    • 1
      $tempAlt.replaceAll('"','').trim()