‘Nada’ a declarar

08 Jul 2018 / 09:00 H.

O título até poderia ser uma ‘homage’ ao célebre filme francês de 2010 - ‘Rien à Declarer’ - já que também é de fronteiras que trata o Cartoon da autoria de Eder Luís que integra a Análise desta semana, mais precisamente, uma grande questão: qual é o limite/fronteira da paciência dos madeirenses em termos da problemática das ligações (aéreas) com o exterior? Pelos vistos parece não ter fim, já que embora os madeirenses sejam muito fortes nas queixas via redes sociais, o facto é que poucos formalizam as reclamações, conforme noticiou o DIÁRIO.

Com o crescente número de cancelamentos da TAP, que procurou explicar os sucedidos conforme noticiámos, certo é que nem a viagem inaugural de ferry ao continente teve a adesão desejada, aliás, como o DIÁRIO deu conta.

Ora, sem alternativa aérea e com pouca vontade de viajar de barco, qualquer dia os madeirenses vão ter de ir de nado ao continente, figurativamente falando, claro. E a intenção expressa do Governo da Madeira em processar a TAP pode complicar ainda mais as coisas... a ver vamos se não se trata apenas de uma pressãozinha política...

Por isso, já sabe, não confie que os outros o vão defender, faça, isso sim, valer os seus direitos, reclame formalmente sempre que for necessário, porque quem se queixa muito para o ar mas não tem ‘nada’ a declarar no papel pode correr o risco de acabar, em termos de ligações aéreas, sem ‘nada’...

Outras Notícias