‘Tesourinho’ lembra “estranha” descida

União recordou ‘frango’ de Gudiño no Bessa para recordar “estranha” descida

18 Mai 2018 / 02:00 H.

    Numa altura em que a Polícia Judiciária investiga “suspeitas de corrupção activa”, no futebol português, no âmbito de uma operação denominada ‘Cashball’, o União utilizou ontem as redes sociais para ‘pedir justiça’, com a publicação de um vídeo em que recorda a derrota no Bessa, a 8 de Maio de 2016, após um erro grave de Gudiño, que deixou passar a bola por baixo do pé, na sequência de um atraso de Joãozinho, lateral esquerdo que ontem negou ter alguma vez sido contactado por terceiros para se deixar corromper em jogos da I Liga, como resposta a uma alegada associação do seu nome a um caso de corrupção no Sporting.

    De forma irónica, o União recordou o lance caricato que originou o golo do Boavista - o único dessa partida - mas fez questão de vincar que não entrava em comparações. “Fomos ao nosso baú de recordações e tropeçámos num tesourinho deprimente. Qualquer semelhança com a actual realidade é pura coincidência. Contudo, reiteramos que continuamos a aguardar por respostas à nossa ‘estranha’ descida de divisão”, escreveu a direcção unionista no post, na página do Facebook.

    Continuar à espera

    À margem, refira-se que os unionistas continuam a aguardar por uma conclusão do processo que moveu contra o Santa Clara [ver texto principal desta página], para definir a próxima época. Na II Liga, acreditam os seus dirigentes. f.s.

    Outras Notícias