Sobral actua no Parque a 22 de Julho

Salvador Sobral actua no fecho do NOS Summer Opening, que passa a ter três dias

07 Mar 2018 / 02:00 H.

Salvador Sobral dá concerto este Verão na Madeira. O artista chegou a ser negociado pela 1º Plano, mas será a Puppetry Productions a trazer o vencedor do ano passado do Festival Eurovisão, a voz do tema ‘Amar pelos dois’. Com regresso aos palcos no final de Maio nos Açores, o cantor passa depois no dia 22 de Julho pelo Funchal para um espectáculo no Parque de Santa Catarina. Antes, Salvador Sobral dá um pulinho ao Teatro Municipal Baltazar Dias para uma curta actuação integrada no projecto Mutrama, ao lado de outros artistas nacionais.

Salvador Sobral tornou-se um fenómeno e não saiu das capas dos jornais desde que concorreu ao Festival da Canção em 2017 com o tema composto pela irmã, Luísa Sobral. A vitória em casa serviu de rampa para a vitória no Festival Eurovisão, que despertou reacções de várias partes do mundo. Seguiu-se um período de destaque por questões de saúde, tendo o cantor anunciado em Setembro que iria fazer uma pausa na carreira. Em Dezembro foi submetido a um transplante cardíaco, com sucesso, tendo tido alta em Janeiro deste ano.

Entre outras conquistas, Salvador Sobral, de 28 anos, foi um dos contemplados nos European Border Breakers Awards. Foi também personalidade do ano na Cultura pelos leitores da Euronews e juntamente com Luísa Sobral ganhou mais um titulo de personalidade do ano atribuído pela Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal. Enquanto recuperava, o músico lançou ‘Excuse Me ao vivo’, a versão em concerto do seu disco de estreia, que tinha sido lançado em 2016. Está anunciado para este ano um novo disco de originais.

O espectáculo no Funchal é integrado no NOS Summer Opening, festival que passa assim a ter três dias, ocorrendo entre 20 e 22 de Julho, no Parque de Santa Catarina. Encaixa-se por entre a digressão do cantor a Espanha, onde tem várias actuações previstas e também tem feito grande sucesso.

Salvador Sobral quase dispensa apresentações. Embora tenha ficado mais conhecido pelo tema ‘Amar pelos dois’, a sua carreira musical está essencialmente ligada ao jazz, com temas próprios ou de outros, como Chet Baker. Antes de ser levado pelo sucesso de ‘Amar pelos dois’, já tinha chamado a atenção do grande público no concurso de televisão ‘Ídolos’ e mesmo na música já tinha brilhado. Em 2015 tinha participado no Vodafone Mexefest e no EDP Cool Jazz.

Na música de corpo e alma, a formação levou-o aos Estados Unidos e a Barcelona onde estudou jazz, incluindo na escola Taller de Musics. Além de tocar e cantar, Sobral também compõe. Quando não são seus ou do trompetista e cantor de jazz norte-americano que muito admira, poderá encontrá-lo por exemplo numa viagem pela bossa-nova ou pelas sonoridades da América Latina.

Em Espanha ligou-se em 2014 à banda de pop-indie Noko Woi, onde é vocalista. Em Portugal, são vários os músicos de jazz com quem tem partilhado o palco, entre eles com o pianista Júlio Resende, com o contrabaixista André Rosinha e com o baterista Bruno Pedroso, para referir alguns.

Outras Notícias