Selecção de sub-21 obrigada a ganhar

14 Nov 2017 / 02:00 H.

    O seleccionador Rui Jorge recusou ontem o carácter decisivo do jogo com a Suíça, mas reconheceu que os cinco pontos perdidos retiram espaço a Portugal para recuperar na qualificação para o Campeonato da Europa em sub-21.

    Na conferência de antevisão ao jogo de hoje, no estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, Rui Jorge admitiu que “estava à espera de ter mais pontos” nesta altura, mas lembrou que “podia acontecer este equilíbrio” e que também já tinha antecipado que “seria difícil o apuramento”. “Quanto mais nos aproximamos do final, tendo em conta que perdemos cinco pontos, estes jogos revestem-se de maior importância. Há menos espaço para recuperar. Não sendo decisivo por uma questão matemática, são pontos importantes se quisermos ir a uma fase final do Europeu”, disse Rui Jorge.

    O técnico referiu sentir-se “mais confortável” por voltar a jogar em Portugal, após dois resultados menos conseguidos pelo combinado luso (derrota na Bósnia-Herzegovina por 3-1 e empate 1-1 na Roménia), e disse notar alguma evolução na equipa, sem esconder a existência de problemas.

    Apesar desses percalços, Rui Jorge disse que o grupo está apostado em “deixar uma imagem de qualidade” e que vai procurar ser “suficientemente forte para conseguir a vitória” no jogo diante da Suíça.

    Outras Notícias