“Reacções têm sido muito positivas”

Emanuel Santos está a “trabalhar em busca de um sonho” e tem propostas em curso

02 Jun 2017 / 02:00 H.

Emanuel Santos, o escultor do polémico busto de Cristiano Ronaldo, que pode ser visto no Aeroporto da Madeira, está a viver ‘dias de glória’ com a nova criação: o busto de Gareth Bale, que concebeu a convite da empresa de apostas ‘PaddyPower’.

“Ficaram muito satisfeitos com o meu trabalho, tal como eu. Estou muito orgulhoso”, disse ontem ao DIÁRIO, salientando que tem recebido “excelentes críticas”. “As reacções têm sido muito positivas, mais até em termos internacionais do que propriamente em termos nacionais”, apontou o escultor madeirense, natural do Caniçal, cujo trabalho foi colocado em frente ao Estádio de Cardiff, no País de Gales, onde vai decorrer amanhã a final da Liga de Campeões, que irá opôr o Real Madrid de Cristiano Ronaldo à Juventus, a partir das 19h45.

Emanuel Santos esteve na capital galesa e pousou ao lado do busto que produziu ao longo de “cerca de três semanas”. “Fiz a moldagem, depois foi feita a passagem para gesso, a seguir foi para a fundição e, finalmente, levou o tratamento de platinagem”, explicou, adiantando que o processo de trabalho foi “em todo idêntico” ao do busto de Ronaldo.

“Honrado” pelo convite da ‘PaddyPower’ - “quem não ficaria?”, questionou -, o escultor madeirense, que ganhou fama mundial com um busto que se tornou viral neste mundo virtual, diz que tem em carteira propostas para mais trabalhos mas, para já, prefere nada adiantar. “Estou a trabalhar em busca de um sonho e o futuro a Deus pertence. Mas tenho propostas em curso e vou aproveitar as oportunidades para mostrar o meu trabalho”, disse.

Para já, Emanuel Santos vai colhendo dividendos do busto de Gareth Bale, futebolista que ainda não teve a oportunidade de conhecer. “Estamos em conversações e negociações nesse sentido”, adiantou.

Recorde-se que foi a empresa de apostas ‘PaddyPower’ quem financiou o projecto que pesa 40 kg e tem um valor estimado de cerca de 25 mil libras (cerca de 29 mil euros).

Outras Notícias