Rastreios de Saúde Mental para mães

Rastreios gratuitos vão decorrer entre hoje e sábado na Placa Central

12 Out 2017 / 02:00 H.

Entre hoje e o próximo sábado, das 10 às 20 horas, na Placa Central d da Avenida Arriaga, decorrem os rastreios de Saúde Mental na Maternidade. Esta iniciativa, integrada no projecto ‘Sem pesos na Maternidade’ (evento da responsabilidade de um grupo de psicólogos clínicos da Unidade de Psicologia Clínica do Serviço de Saúde da Região - SESARAM), destina-se a todas as mães da Região com filhos até aos 18 anos.

Tal como o DIÁRIO já noticiou, a iniciativa surgiu devido à crescente procura de mães da Região pela ajuda disponibilizada na Unidade de Psicologia, no sentido de conciliar a gestão das tarefas diárias, como mães, com as multifunções. Sem pesos na Maternidade’ tem assim como principal objectivo, chamar atenção das mulheres mães para o seu auto-cuidado. Depois do painel/debate ontem realizado e que juntou diversos especialistas para abordar esta problemática, a partir de hoje, o foco serão as mães através de rasteiros à Saúde Mental. Segundo a Comissão Organizadora do evento, este rastreio foi realizado segundo o código ético e deontológico da Ordem dos Psicólogos Portugueses. “Neste rastreio pretende-se identificar sinais e sintomas associados a problemas emocionais e também desmistificar algumas questões associadas à parentalidade que são normativas, contudo, por vezes, a população julga não o serem”.

Todas as mães que forem ao rastreio terão um primeiro contacto com um psicólogo clínico, onde lhes será feita uma entrevista semi-estruturada, simultaneamente com o preenchimento de alguns instrumentos psicométricos. Posteriormente, o psicólogo, de acordo com os resultados da avaliação clínica, decidirá se aquela pessoa beneficiaria de uma avaliação psicológica aprofundada. “Se for esse o caso, e se for esse o desejo da pessoa, então aí será feita a referenciação para o psicólogo do centro de saúde da sua área de residência”, acrescentam.

A participação nos rastreios não requer qualquer inscrição e é totalmente gratuita. Hoje, pelas 14h30, o secretário regional da Saúde, Pedro Ramos visita a iniciativa.