Projectos regionais concorrem à Missão Continente

Há seis projectos de cinco associações da Região que procuram donativos no âmbito da iniciativa solidária

29 Dez 2017 / 02:00 H.

Há seis projectos de cinco associações da Região que, até ao final do dia de hoje, estão à procura de votos para terem possibilidade de receberem donativos no âmbito da Missão Continente.

A Delegação da Madeira da Alzheimer Portugal é candidata à Missão Continente com o projecto ‘Com Aromáticas me Conquistas’, iniciativa de inclusão social que visa promover uma vida mais saudável da comunidade pertencente ao Bairro da Nazaré, onde se insere a Delegação, dando continuidade e complementando o projecto ‘Horta dos Carinhos’.

“O nome ‘Com Aromáticas Me Conquistas’ justifica-se pelo uso que estas plantas terão no projecto e, por se pretender a inclusão social de vários elementos, incluindo residentes mais vulneráveis (crianças e idosos) da comunidade”, explica a associação.

A Delegação Regional da Madeira da Fundação Portuguesa ‘A Comunidade Contra a SIDA’ apela ao voto no projecto ‘O bairro tem forma de amigo de porta aberta’. “Neste Natal, o seu voto poderá ajudar a melhorar a segurança alimentar de famílias desfavorecidas, garantindo o acesso destas a uma alimentação segura e saudável”, referem.

Já a ADBRAVA - Associação de Desenvolvimento da Ribeira Brava é candidata à Missão Continente com o projecto ‘+ SAUDÁVEL’. Este projecto pretende despertar nas crianças e jovens o gosto por um estilo de vida ‘+ SAUDÁVEL e + NUTRITIVA’, através da criação de uma cozinha móvel denominada ‘cozinha saudavelmente’, que irá às instituições como escolas, centros de acolhimento, centros comunitários entre outras. “Será uma cozinha ‘faz tudo’ ou ‘tudo incluído’, onde as crianças poderão criar refeições saudáveis, através de jogos pedagógicos sobre nutrição equilibrada e promoção de estilos de vida saudáveis.

O Centro Social e Paroquial de Santa Cecília quer apoio para criar uma Mercearia Social, um instrumento de inclusão social que de forma inovadora (Sistema de créditos), apoie na distribuição de géneros alimentares, à população sinalizada, garantindo com dignidade o acesso a bens e serviços, permitindo que os indivíduos que se encontram em situação de pobreza possam adquirir os alimentos que realmente lhes fazem falta, sem necessidade de autoexclusão/marginalização.

Já o Instituto das Irmãs hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus - Centro de Reabilitação Psicopedagógica da Sagrada Família (CRPSF), apresenta o projecto ‘+ Saúde’. Esta iniciativa será dinamizada por uma equipa multidisciplinar com profissionais da área de saúde e educação, e através da parceria com entidades da comunidade nas áreas de Hotelaria, ensino/universidade, centros de saúde locais e direcção regional da agricultura. “Pretende-se através desta estreita relação de cooperação com os vários dinamizadores enriquecer este projecto e fomentar a integração social”.

A Santa Casa da Misericórdia de Machico propõe o projecto ‘Promoção de Alimentação Saudável’, cujas acções se irão realizar no Centro Comunitário da Bemposta, na animação do Lar da SCMM e no infantário Rainha Santa Isabel. Haverá ainda acções destinadas aos funcionários da SCMM e à população em geral, ao nível da promoção de alimentação e estilo de vida saudável e uma mega-actividade desportiva.

Finalmente, a Associação Maniche leva a votos dois projectos, o ‘SER 18: +Desporto, + Inclusão = Melhor Alimentação’ e o ‘SER 18: +Desporto, + Inclusão = Maior Integração’.

O primeiro tem como objectivo mobilizar a sociedade sensibilizando-a para a compreensão dos fenómenos da pobreza e exclusão social enquanto violações de Direitos Humanos e promover a assimilação de regras e valores sociais com um trabalho regular e conjunto com as crianças e jovens carenciados e com necessidades especiais e promover hábitos de alimentação saudável. E o segundo tem duas vertentes: tem duas vertentes: a Inclusão Social dos 8 aos 80 com o Futebol de Rua como estratégia de intervenção social na promoção da inclusão social e as Individualidades na Escola, Neste caso, o objectivo principal é levar às escolas personalidades de referência, dando oportunidade a comunidade escolar de interagir com prestigiados desportistas nacionais e internacionais.

Para votar nestes projectos basta fazer login na página da Missão Continente (https://missao.continente.pt/), seleccionar os projectos da Região Autónoma da Madeira e votar.

Recorde-se que votação decorre até ao final do dia de hoje. No ano passado, através da Missão Continente foram atribuídos mais de 500 mil euros a 40 projectos de todo o país.

Outras Notícias