Piano a quatro mãos hoje no ‘Baltazar Dias’

Prossegue hoje a terceira edição do Madeira PianoFest’17

10 Nov 2017 / 02:00 H.

Sob a direcção artística de Robert Andres, prossegue hoje a terceira edição do Madeira PianoFest’17, uma iniciativa organizada pela Associação Amigos do Conservatório de Música da Madeira.

Esta sexta-feira, o programa contempla um recital de piano a quatro mãos, pelas 21 horas, no Teatro Municipal Baltazar Dias, no Funchal.

Apresentando obras de três grandes mestres do Romantismo, ligados pelo requinte lírico e riqueza harmónica, este concerto será protagonizado pelo duo Robert Andres/Honor O’Hea e termina com uma das obras mais emblemáticas de um dos ícones da música francesa, apresentando a sua visão da famosa dança vienense.

Actuando a quatro mãos e a dois pianos, o duo Robert Andres/Honor O’Hea tem recebido, desde 1995, um acolhimento entusiástico pela crítica musical e pelo público em mais de quinze países.

Vários compositores, tais como Roger Price, Pedro Macedo Camacho e João Victor Costa dedicaram-lhes as suas obras. Actuaram no âmbito de festivais e séries em mais de 15 países europeus e nos Estados Unidos. Em 2004 apresentaram-se nos Estados Unidos, na Universidade de Tulsa, Oklahoma, no âmbito do festival ‘Tributo a Sequeira Costa’, tendo regressado como artistas convidados em abril de 2015. Duas obras para piano a quatro mãos constam do CD com obras para piano do compositor madeirense João Victor Costa, que foi lançado em 2008 pela Numérica, no âmbito das comemorações dos 500 anos do Funchal. Em Novembro de 2015 actuaram no Concerto de Gala do Encontro Nacional da EPTA-Portugal em Viana do Castelo. Em Dezembro do mesmo ano celebraram os 20 anos de actividade interpretando o ‘Concerto para dois pianos e orquestra’ de Max Bruch, com a Orquestra Clássica da Madeira, sob a batuta do maestro Jean-Sebastien Béréau. No âmbito das Festas de Natal e Fim do Ano da Madeira, interpretaram em Dezembro do ano passado o ‘Concerto em Dó menor’ de Bach para dois pianos com orquestra de bandolins e em Maio deste ano deram um recital na Sardenha.

Os ingressos custam 12 euros (compra antecipada), 15 euros no dia e 30 euros (3 concertos diferentes à escolha, o que dá 10 euros cada). Os sócios da ANSA pagam 7,5 euros e os estudantes pagarão 5 euros. Já os sócios da AACMM têm entrada livre, as crianças de 1.º e 2.º Ciclo (quando acompanhadas por adultos) terão entrada livre e os alunos da DSEAM e do CEPAM também terão acesso livre (mediante disponibilidade da sala).

Outras Notícias