PAUS lançam primeiro vídeo gravado na Madeira

“Quem tinha o l123 era ‘muita’ fixe, dava para ir absorver coisas

13 Jan 2018 / 02:00 H.

A curiosidade já apertava há meses: os Paus lançaram ontem o ‘single’ do quarto álbum (ainda sem título e depois de Mitra, em 2016) criado na Carta Branca, a residência artística que fizeram na Madeira, durante oito dias, a convite da organização do festival Aleste.

A ilha serviu de cenário para os vídeos que acompanham as músicas do novo disco, apontado para chegar às lojas em Abril. A primeira canção divulgada chama-se “L123” e Hélio Morais (vozes e bateria) explica ao DIÁRIO a ligação à ilha: “Já tínhamos gravado o instrumental e quando soubemos da residência quisemos encontrar pontos de ligação entre os Paus e a Madeira e o centro de Lisboa. E a ligação entre a Madeira e o Continente. O L123 era o passe que fazia a ligação de Lisboa aos subúrbios, cobria uma zona circular desde Sacavém, Foros da Amora, a Linha de Sintra ou Oeiras. E nós somos de periferias. Por isso, quem tinha o L123 era ‘muita’ fixe, era possível ir a Lisboa absorver coisas. Nasce disto, de pensar a Madeira como o subúrbio mais distante de Lisboa”.

O vídeo da L123 foi gravado na Ponta de São Lourenço, no Caniçal, uma escolha do realizador Ernesto Bacalhau e que surgiu de uma conversa banal sobre um cartaz de campanha antigo, em que o “candidato comparava a Margem Sul a um deserto”. Acrescenta Hélio Morais: “Fomos filmar para o mais próximo de um Deserto, na Madeira”. O vídeo já viaja na Internet e é o primeiro de oito que vão acompanhar o álbum: “Antes de lançarmos o disco vamos partilhar mais dois vídeos e, depois disponibilizamos os vídeos todos de uma vez”, explica o músico. Nas redes sociais (instagram) já há quem escreva que a nova música, que também veio buscar inspiração à Madeira, é “possivelmente a melhor de sempre” dos Paus.

A partir da Carta Branca, a organização do Aleste instalou os músicos e produtores dos PAUS na Quinta de Santa Luzia, no Funchal, para fecharem o processo criativo do novo trabalho. Para além das canções, a Madeira entrará ainda no documentário que os Paus estão a preparar sobre a banda, ainda sem data prevista de lançamento. Para espreitar o vídeo e ouvir a mais recente canção da banda, basta procurar por “PAUS L123!” no Youtube.

Outras Notícias