Os anos passam

Constrangimentos da rede viária são apontados por quem circula na vila. Mas a freguesia da Ribeira Brava regista outros problemas: precariedade social e habitacional e o desemprego jovem que obriga à emigração

05 Nov 2017 / 02:00 H.

Na Ribeira Brava o tempo da vida é igual ao tempo de outras freguesias, mas os anos passam e, aparentemente, alguns problemas parecem ficar debaixo do ‘tapete’ ou atrás da ‘porta’ – entenda-se esquecidos. E a culpa é de quem? O povo diz que é dos políticos. Mas nem tudo foi mau. Finalmente o velhinho campo municipal foi remodelado e o gimnodesportivo melhorado. Falta avançar para...