Mais próximos do olhar dos madeirenses

Irmãos de São Tomé e Príncipe actuam na Madeira pela primeira vez a 14 de Julho

06 Fev 2018 / 02:00 H.

É mais uma aposta do Grupo Café do Teatro num evento que pretende deliberadamente elevar a fasquia com a presença de artistas credenciados na Região. Marque na sua agenda que no próximo dia 14 de Julho os Calema e dois DJs internacionais “de alta qualidade” estarão presentes em mais um grande evento musical desenvolvido pelo grupo, de forma a entrar no Verão em grande estilo.

Prestes a revelar o espaço onde irá decorrer a iniciativa, dado que essas questões “ainda estão a ser concluídas”, Dário Silva, um dos responsáveis pela entidade organizadora, assegura que a vinda dos irmãos Calema e de dois DJs “de alto gabarito” à Madeira “prova mais uma vez quem está na vanguarda deste género de iniciativas” na Região.

“Será um festival que vamos organizar, na senda daquilo que foi realizado no ano passado com o MTV Madeira Dance Fest”, adiantou, assegurando que “este evento terá outro nome” e que “a primeira confirmação são os Calema”, duo que tinha dado luz verde à sua presença na Madeira já o ano passado.

“Importa salientar que os Calema vêm pela primeira vez à Madeira e toda a gente os quer ouvir. É a banda do momento em Portugal”, elogiou Dário Silva, visando o duo africano, caracterizando até o momento actual como “febril” pelo público madeirense, em querer ver de perto os artistas de São Tomé e Príncipe, que têm vindo a alcançar grande êxito em solo português.

Quanto aos dois DJs, Dário Silva confirmou que ambos já deram o ‘ok’, frisando que o nome de um destes artistas é “enorme” no que diz respeito à qualidade por detrás da cabine de som. “É um evento que já está planeado desde o ano passado e escolhemos esta data para abranger mais gente, porque é Verão”, concluiu.

‘Especial ondulação’

Calema provém de uma expressão africana que define a ‘especial ondulação’ na costa africana. Como as ondas que chegam à praia e trazem consigo histórias, os irmãos propuseram-se a oferecer música, emoções e cultura em todo o seu repertório.

A dupla nasceu em 2006, na ilha de São Tomé e Príncipe, na altura intitulada ‘Estrela do Sul’. Estes jovens, que dão pelo nome de António e Fradique Mendes Ferreira, mudaram o nome da dupla em 2009 para Calema, para que fosse mais curto e tivesse um melhor significado.

Depois de terem terminado os estudos em Portugal, os irmãos viajaram para França com destaque para a sua participação no ‘The Voice France’, tendo alcançado a lista final dos 20 melhores deste concurso de talentos. A dupla regressou então a terras lusas e tem conquistado um vasto leque de entusiastas.

‘A nossa vez’, ‘Casa de Madeira’, ‘Tempo’, ‘Vai’ ou ‘Tudo por amor’ são alguns dos maiores êxitos musicais da dupla que canta desde tenra idade, e que agora acompanha os portugueses, sobretudo, pela rádio.

Até agora, António e Fradique já lançaram dois discos, nomeadamente, ‘Bonu Kêlê’ e ‘A nossa vez’, sendo que este último alcançou um enorme sucesso em termos nacionais e além-fronteiras, figurando inclusivamente no topo das vendas discográficas em 2017. Estão assim lançados os dados para uma noite que se espera marcar no corpo dos presentes “a frase mais bela que existe de amor”.

100 milhões

Os Calema contam já com mais de 100 milhões de visualizações na plataforma digital Youtube e realizaram no último ano mais de 100 concertos em cerca de 12 países.

O lançamento do single ‘Vai’ foi a grande afirmação do dueto no nosso país, e que marcou a estreia nas rádios nacionais. Depois deste sucesso seguiu-se a ‘A Nossa Vez’, tema que dá nome ao segundo álbum de originais e que uma vez mais consolida o talento e amor pela música dos dois irmãos. ‘Vai’ fez parte da banda sonora da novela ‘Paixão’ (SIC) e ‘A Nossa Vez’ está na banda sonora da novela ‘A Herdeira’ (TVI).

Outras Notícias