Madeira Film Festival com balanço positivo

Encontro de cinema tem reunido cerca de 200 pessoas por sessão

22 Abr 2017 / 02:00 H.

O conceito é diverso, mas a ideia passa fundamentalmente por um aspecto: exibir filmes que a Região não viu. A sexta edição do Madeira Film Festival (MFF) encerra este domingo, mas o balanço feito pela organização até ao momento indica uma adesão do público que “supera em larga escala as expectativas”, confirmou Elsa Gouveia, manager do festival, que aponta para uma média de 200 lugares por sessão, “mesmo às 16 horas”.

Este foi um encontro cinematográfico que trouxe à Região vários actores, de onde se destacam as presenças de Adrianne Wilkinson e Natassja Kinski, actrizes que abrilhantaram este festival e que conferiram uma maior visibilidade ao mesmo.

Elsa Gouveia mostra-se extremamente feliz “pelo melhor ano”, que surpreendeu tudo e todos. “Penso que pode-se dizer que esta edição tem a melhor programação de sempre, claro que isto depois torna-se conhecido e há pessoas que só ouviram falar no MFF este ano. Leva tempo a adquirir conhecimento”, adiantou.

Em relação à próxima edição do festival, o caminho parece estar a ser trilhado no sentido de trazer à Região vários actores de Hollywood, fruto de conversas estabelecidas com Adrianne Wilkinson, que “conhece todos os actores famosos, porque contracenou com eles nas sagas ‘Star Wars’ e ‘Star Trek’. Vai ajudar-nos na próxima edição com a vinda de celebridades”.

Dado que os filmes costumam chegar a Portugal mais tarde, as várias estreias que o MFF providenciou “já não são novidade para os actores internacionais que estão cá na Madeira”, situação que a responsável lamenta porque “para a imprensa internacional isto não é novo, pois a estreia é apenas nacional”, reforçando a ideia de que “é importante trazer outros filmes e alargar a oferta na Região”.

O MFF encerra amanhã com chave de diamante, exibindo pelas 21 horas, no Teatro Municipal Baltazar Dias, o filme ‘Aquarius’, que conta com a participação da actriz Sónia Braga. Hoje, pelas 10 horas, há sessão aberta para todas as crianças até aos 12 anos, com a exibição do filme ‘Ovelhas e Lobos’ no Teatro Municipal, com o bilhete a custar 3 euros para os adultos.

O que resta ainda do MFF?

Para além da película ‘Ovelhas e lobos’ há ainda outra sessão pelas 16 horas. ‘Os olhos da minha mãe’, ‘Julieta’ e ‘Amor e amizade’ são as restantes produções exibidas ao longo do dia de hoje.

O festival encerra amanhã, dia 23 de Abril, com cinema em língua portuguesa. ‘Ama-San’ da realizadora Claudia Vareijão, pelas 16 horas, seguido da sessão das 18h30 com o filme de Edgar Pêra, ‘Delírio em Las Vedras’, onde mais uma celebridade, desta vez portuguesa, marcará presença no Teatro Municipal Baltazar Dias, a actriz Marina Albuquerque.

Ainda no domingo, o filme das 21 horas é ‘Aquarius’, que conta com a actriz Sónia Braga num dos melhores desempenhos da sua carreira, segundo a crítica.

De referir que todos os filmes são legendados em português e inglês.

No âmbito da promoção da ilha enquanto local de filmagens, a organização do festival atraiu para a Região um filme de promoção encomendado pela Carnival Cruises Corporation à equipa de Adam Briles, conhecido produtor que lançou o programa ‘Big Brother’. Este filme está a ser exibido em todos os barcos da companhia.