Lesão ‘rouba’ medalha

Jovem vencia no primeiro set por 17-9 mas teve de abandonar devido a lesão

Peru /
20 Mar 2017 / 02:00 H.

O jovem madeirense Duarte Nuno Anjo teve, no passado sábado, perto de garantir um lugar entre os medalhados numa prova do circuito internacional absoluto de badminton.

Uma lesão, num adutor, no primeiro set do encontro dos quartos-de-final diante do mexicano Luís Garrido, acabou por ‘tramar’ o atleta do Club Sports Madeira de poder rumar às meias-finais no Open do Perú, que se disputou na cidade de Lima, e consequentemente garantir aquela que poderia ser a sua primeira medalha no escalão sénior de uma prova internacional.

O madeirense vencia no primeiro set por 17-9 quando foi traído por uma lesão numa perna que impediu de continuar, dando assim a vitória ao mexicano.

Nas partidas até aos ‘quartos’ o n.º 247 do ranking mundial começou por vencer o peruano Mariano Novoa por 21-14 e 21-15 e depois o jogador da Guatemala Christopher Salvador por um duplo 21-16, sendo depois eliminado devido à lesão.

Apesar do afastamento inesperado na prova de singulares o jovem insular conquistou 1.370 pontos, que a juntar aos 1.520 pontos alcançados no Open do Brasil, será determinante para subir significativamente na hierarquia mundial.