Leonardo Jardim está ao nível de Mourinho

madeirense é o segundo técnico português a chegar às ‘meias’ da Champions

21 Abr 2017 / 02:00 H.

Com a actual designação, apenas dois treinadores portugueses conseguiram apurar as respectivas equipas para as meias-finais da Liga dos Campeões: José Mourinho e, agora, Leonardo Jardim.

O técnico madeirense, que hoje fica a conhecer o adversário desta fase da competição da Champions, entrou assim para a galeria dos imortais, onde mais nenhum outro português chegou, com excepção, claro, para o ‘special one’.

Anteriormente, quando a competição se chamava Taça dos Campeões Europeus, Fernando Cabrita, em 1967/68, ao serviço do Benfica, Toni (1987/88), também pelo Benfica, e Artur Jorge (1986/87), ao comando do FC Porto, também conseguiram levar os respectivos emblemas até às meias-finais da competição, o que não deixa de ser sintomático da dificuldade que é para chegar a este patamar do futebol.

Jardim não quer adversário

Hoje, como referido, o Mónaco vai conhecer o adversário das meias-finais: Real Madrid, Atlético de Madrid ou Juventus. Leonardo Jardim não quer nenhum. “Porque são três equipas muito fortes, mas vamos esperar que o sorteio aconteça e tentar trabalhar o melhor possível para conseguir contrariar um destes fortes adversários. Não tenho escolha porque todas as equipas nesta fase da competição são de alto nível”, afirmou o técnico da equipa francesa, após a vitória sobre o Borussia de Dortmund, por 3-1, no jogo da segunda mão dos quartos-de-final da competição milionária.