‘Leão’ empata no derradeiro minuto

Lisboa /
06 Nov 2017 / 02:00 H.

    Uma grande penalidade convertida por Bruno Fernandes, em tempo de compensação, permitiu ontem ao Sporting salvar um ponto na recepção ao Sp. Braga (2-2).

    Os ‘verde e brancos’ até se adiantaram no marcador, através do inevitável Bas Dost (66 minutos), mas Dyego Sousa, de grande penalidade (85), e Danilo (89) operaram a reviravolta, que foi anulada aos 90+5, com um castigo máximo do antigo médio da Sampdoria.

    Além de ter perdido Acuña e Bas Dost no decorrer do encontro, ambos por lesão, o Sporting ainda deixou fugir o líder FC Porto, que ficou com quatro pontos de vantagem, e viu o Benfica aproximar-se.

    Na segunda oportunidade de que dispôs, Bas Dost já não falhou e inaugurou o marcador, antecipando-se aos adversários, após um cruzamento de Bruno Fernandes.

    Pouco depois, o azar bateu à porta de Bas Dost e Jorge Jesus viu-se privado do avançado, que foi rendido por Doumbia. A partir deste momento, o Sp. Braga cresceu no jogo, aproximou-se da baliza de Rui Patrício e acabou mesmo por beneficiar de uma grande penalidade cometida por Coates sobre Danilo, que permitiu ao recém-entrado Dyego Sousa empatar as contas.

    A reviravolta minhota tornou-se uma realidade quatro minutos volvidos, graças a um grande golo de Danilo, que atirou uma ‘bomba’ de pé esquerdo, de nada valendo a estirada de Rui Patrício, que ainda tocou ligeiramente na bola.

    Quando já nada o fazia prever e numa altura em que vários adeptos já abandonavam as bancadas, Ricardo Horta derrubou Alan Ruiz na área e Bruno Fernandes salvou um ponto para o conjunto sportinguista.

    Outras Notícias