“Haverá mais mundo para além de 2019”

Pedro Calado apresentou um orçamento “mais humano” e social e garante que Lisboa “não irá calar” a Madeira com acções que visam, apenas, favorecer o PS nas eleições do próximo ano

13 Jul 2018 / 02:00 H.

“Não nos vamos resignar. Não nos vamos calar”, prometeu Pedro Calado, no discurso de encerramento da discussão do Orçamento Rectificativo e do Plano que decorreu, ontem, no parlamento madeirense. O vice-presidente do governo assegura que o executivo e o seu partido não se irão resignar “mesmo que os restantes partidos da oposição, e em particular aqueles que têm eco na aliança de...