Final da Taça da Europa terá reforço financeiro

Taça da Europa do Funchal deverá contar com a elite do triatlo mundial

14 Mar 2018 / 02:00 H.

A capital madeirense ganha cada vez mais força em termos de provas internacionais de triatlo.

Depois do regresso, em 2017, de uma prova da Taça da Europa da modalidade, este ano, em Outubro, tal como o DIÁRIO já tinha noticiado, irá receber a derradeira prova do circuito, nomeadamente da grande final da Taça da Europa.

O reconhecimento internacional, por parte da Federação Europeia da modalidade (ETU) ganha agora mais força, já que durante esta semana o organismo europeu decidiu reforçar o prémio monetário (prize-money) do evento em 40 mil euros. Um montante que quase que dobra o valor inicial agendado e que levará a um maior interesse por parte dos melhores atletas de elite em termos mundiais.

De referir que o evento europeu será disputado nos dias 27 e 28, para além da cidade do Funchal receber igualmente as honras de organizar, pela primeira vez um evento de paratriatlo - para desportistas com deficiência. Trata-se da derradeira prova da Taça do Mundo, organizada pela União internacional de Triatlo (ITU) e que também irá acontecer nos dias 27 e 28 de Outubro.

Gala anual consagrou os melhores

Já no passado fim-de-semana a ETU realizou a gala anual, na Rússia, onde consagrou os melhores de 2017, e onde a Madeira integrava a lista das três melhores organizações de provas do ano. Com a alegria de estar já num dos lugares do pódio, a Região viu o evento austríaco, Kitzburg a ser coroado como ‘campeão’. A Associação de Triatlo da Madeira confirmou a sua presença na cerimónia, mas devido ao mau tempo que se fez sentir no final da semana passada, acabou por não conseguir ligação até Moscovo.

Referência ainda em termos nacionais para João Pereira que veio a receber o galardão de melhor atleta de 2017.