Falta de água no Caniço gerou várias queixas

Reequilíbrio da rede de água potável levou ao corte da mesma na zona do Caniço

13 Nov 2017 / 02:00 H.

A falta de água em algumas zonas do Caniço começou a notar-se no sábado, mas permaneceu até ontem, gerando queixas de vários munícipes. A Câmara Municipal de Santa Cruz esclareceu ao DIÁRIO que o problema se deveu à necessidade de uma intervenção por parte da ARM. Já essa empresa afirma que não houve em nenhum momento qualquer falha no fornecimento de água ao município de Santa Cruz.“A intervenção de ontem da ARM prende-se com a notória e conhecida falta de chuva, que está a colocar no vermelho as reservas de água disponíveis”, esclareceu a autarquia, na manhã de domingo.

Segundo explicou ao DIÁRIO o gabinete da presidência, a falta de água levou a que fosse necessário a ARM reequilibrar os poços de abastecimento, pelo que teve que proceder ao corte do abastecimento de água.

No entanto, tal versão não coincide com a ARM, que afirma que “a falta de água prende-se com problemas na rede de distribuição aos quais a ARM é alheia”.

Já na manhã de ontem, na Estrada Alternativa do Caniço, um prédio continuava sem água. Neste caso, a autarquia esclareceu ter-se tratado de uma rotura. “Com a pressão libertada aquando da reposição da água, deu-se uma rotura na rede, mas que foi resolvida pelos nossos técnicos”, assumiu o gabinete da presidência.

Apesar de se dizerem alheias aos problemas, o facto é que a falta de chuva estará a provocar falhas no abastecimento e ‘armazenamento’ de água um pouco por toda a ilha. Também a Câmara de Santa Cruz apela aos munícipes para quer poupem água, a fim de se evitarem situações mais problemáticas relativamente ao seu abastecimento.

Outras Notícias