Elevador desligado deixa idosa “prisioneira”

09 Fev 2018 / 02:00 H.

Tem 74 anos, problemas de mobilidade e sente-se “prisioneira na sua própria casa”, no último andar do edifício Casais da Quinta, localizado no sítio da Albegoaria, no Caniço. Desde Outubro do ano passado que esta idosa não consegue sair à rua, a não ser para fazer hemodiálise no Hospital Dr. Nélio Mendonça, garante a filha.

Tudo isto porque, de acordo com a mesma fonte, “o elevador...

Outras Notícias