DSEAM realiza 53 espectáculos em 11 municípios

Virgílio Caldeira destacou o facto de apostarem na descentralização das iniciativas

06 Fev 2018 / 02:00 H.

A Direcção de Serviços de Educação Artística e Multimédia (DSEAM) irá realizar, nesta temporada de 2018, um total de 53 espectáculos de teatro, dança e música.

Virgílio Caldeira, responsável pela DSEAM, congratulou-se pelo facto de, mais uma vez, a descentralização cultural continuar a ser significativa, uma vez que os eventos irão chegar aos 11 municípios da Região.

“Este projecto assume-se como um dos únicos a ter uma abrangência regional total, sendo dinamizado por 16 formações artísticas que desenvolvem trabalhos nas áreas da música, teatro e dança de uma forma descentralizada pelos 11 municípios da Região”, disse ontem, na apresentação da temporada artística de 2018, que se realizou no Forte de São Tiago.

Além da importância de levar todos os estes alunos a palco, Virgílio Caldeira referiu que a DSEAM tem tido, igualmente, a preocupação de recuperar e divulgar inúmero património cultural madeirense junto de milhares de cidadãos da Região e também junto do público nacional e estrangeiro que, anualmente, visita a Madeira.

“Esta divulgação é feita através de uma agenda anual que, de certa forma, também tem o seu papel contributivo para o desenvolvimento da economia da Região Autónoma da Madeira”, sustentou.

Jorge Carvalho, secretário regional da Educação, afirmou que a DSEAM é a prova viva de que “investiga, protege e divulga”, até porque incute nos cerca de 1100 alunos a importância das artes no seu dia-a-dia. O governante aproveitou a ocasião para enaltecer o trabalho desenvolvido pelos “35 professores” que criam bases para, posteriormente, serem desenvolvidas pelos alunos.

“Aquilo que se pretende é criar as condições para que os nossos jovens, dentro daquilo que é a sua base de talento, possam desenvolver essas mesmas competências com os melhores e nas melhores condições”, realçou, acrescentando que as artes são uma excelente forma de criar cidadãos capazes na realização das suas tarefas diárias.

O secretário regional da Educação salientou facto de a agenda cultura desta temporada incorporar espectáculos relacionados com os 600 anos da descoberta da Madeira, que ocorre em Novembro, no Centro de Congressos do Casino da Madeira, e ‘O Ano da Morte de Ricardo Reis’, que se realiza de 9 a 11 de Março, no Teatro Municipal Baltazar Dias.

Recorde-se que, no ano transacto, a DSEAM planificou 71 espectáculos, realizou 162 e levou três para fora da Região, tendo um total de 45.347 espectadores.

Outras Notícias