Retirada de amianto gera polémica no P. Santo

14 Jul 2018 / 02:00 H.

O médico que se encontrava ao serviço no Centro de Saúde do Porto Santo na última quarta-feira- quando cinco funcionárias da Escola Básica e Secundária Dr. Francisco de Freitas Branco deram entrada com problemas respiratórios, alegadamente depois da retirada de amianto deste estabelecimento de ensino- referiu ao DIÁRIO que aconselhou os pacientes a não voltarem ao local de trabalho...

Outras Notícias