Cunha e Silva será o elo de Rui Rio na Região

12 Out 2017 / 02:00 H.

Rui Rio já escolheu a personalidade social-democrata da Região que o vai auxiliar nas questões da sua candidatura.

João Cunha e Silva, antigo vice-presidente de Alberto João Jardim, fará a ponte com os apoiantes do ex-autarca do Porto, de quem é amigo pessoal há cerca de 30 anos, dos tempos em que ambos militavam na JSD.

O antigo deputado, retitado das lides governamentais em 2015 vai para o terreno ajudar Rui Rio a vencer a presidência do PSD.

Cunha e Silva informou o presidente do PSD/M, Miguel Albuquerque da tarefa que vai desempenhar na disputa pela liderança do PSD nacional.

As eleições directas do PSD estão agendadas para o dia 13 de Janeiro. O congresso terá lugar de 16 a 18 de Fevereiro.

O PSD/M não manifestou apoio oficial a nenhum candidato nem o deverá fazer. Vai aguardar pela eleição do novo líder.

Durante a apresentação da sua candidatura, em Aveiro, Rui Rio disse em política “palavra dada é palavra honrada” e que avança para servir o partido “num dos períodos mais difíceis da sua história”.

Sublinhou que “hoje, temos de o dizer com frontalidade, o PSD está numa situação particularmente difícil. Uma situação que se não for, desde já, combatida, pode conduzir o partido para um patamar de menor relevância no quadro político nacional”, lembrando que tal já aconteceu em outros países europeus.

Jardim com Rio

O ex-líder do PSD/M, Alberto João Jardim, defendeu, entretanto, em entrevista à RTP, que “é preciso haver uma mudança clara no PSD e no país” e Rui Rio tem um “perfil reformador”.

O ex-deputado Guilherme Silva também está ao lado do ex-autarca do Porto. Em declarações ao I, defendeu que Rio “será o candidato que poderá dar uma volta ao partido e por via dele o partido dar uma volta ao país”.

Outras Notícias