Câmara quer viabilizar

mesmo assim não há garantias que a última prova do regional vá para a estrada

12 Out 2017 / 02:00 H.

Ainda não garantias que a última prova do Campeonato de Ralis Coral da Madeira se realize.

O Rali Porto Santo Line está marcado para os dias 10 e 11 de Novembro, a organização, a cargo do Automóvel Clube Concelho de Santa Cruz, tem reunido importantes apoios, mas há muitas equipas que já manifestaram que não vão participar na prova da Ilha Dourada, por ser dispendiosa e porque as contas do campeonato estão (praticamente) arrumadas - mais ficarão se a prova não se realizar.

Segundo apurámos, a organização conseguiu um importante apoio nos últimos dias, da parte da nova vereação da Câmara Municipal do Porto Santo, mas tal não significa que o rali vá para a estrada.

A anterior, liderada por Filipe Menezes de Oliveira, não se quis comprometer com qualquer ajuda ao rali, por se realizar para além do mandato, mas Idalino Vasconcelos, presidente eleito, que tomará posse no dia 20 de Outubro, já informou que quer viabilizar a prova e manifestou intenção de avançar com o pagamento de bombeiros, policiamento e da logística.

A Porto Santo Line é outro parceiro importante da derradeira prova do campeonato e tem procurado também concretizar a realização do rali, pelo que, neste momento, está nas mãos das equipas participantes a montagem da prova.

Neste capítulo tem surgido muita contra-informação, porque há quem não lhe interesse a realização do rali.

O ano passado, 19 equipas estiveram à partida do Rali Porto Santo Line.

Outras Notícias