Apel conquista Taça nas grandes penalidades

19 Jun 2017 / 02:00 H.

O GD Apel venceu ontem a Taça da Madeira de futebol 9 feminino em juniores e encerrou assim a temporada conquistando o pleno em todas as competições regionais.

Nesta final as ‘estudantes’ entraram apáticas e viram o adversário, o Marítimo a adiantar-se no marcador, com dois belos remates de Telma Encarnação e Tânia Santos. A primeira marcadora bisou de livre colocando as verde-rubras na frente do marcador (2-3) pouco antes do intervalo, e com a Júlia Mateus e Ana Beatriz a colocar a Apel na luta pelo resultado final.

Na segunda parte as ‘estudantes’ explanaram o seu futebol, com um jogo mais clarividente, tendo inclusive enviado duas boas há barra. O terceiro lance de maior perigo viria a chegar o empate, desta feita com Júlia Mateus a bisar.

O Marítimo com futebol directo teve em Telma Encarnação o ‘elo’ desequilibrador, apesar de andar sempre na discussão do resultado, criando alguns problemas em determinados momentos do jogo. No entanto o apito final chegou com o empate e a necessidade de marcar as grandes penalidades, para se conhecer o grande vencedor.

Na ‘lotaria’ dos pénaltis a qualidade das ‘estudantes’ fez a diferença com o ‘remate decisivo’ da vitória a ser obtido por Tânia Mateus, num lance de bom recorte técnico.

Neste jogo ficou bem patente a qualidade que o futebol feminino possui necessitando que o aparecimento de novas equipas propicie uma quadro competitivo mais alargado para contribuir ainda mais para o crescimento da modalidade.