Anselmo Ralph na Semana do Mar do Porto Moniz

cantor angolano junta-se a quim barreiros para fazer parte do

13 Mar 2018 / 02:00 H.

Ainda está a decorrer o processo de negociação com os artistas, mas o DIÁRIO sabe que Anselmo Ralph é um dos nomes apontados para ser um dos cabeças-de-cartaz da edição deste ano da Semana do Mar do Porto Moniz, que se realiza de 23 a 29 de Julho.

O músico angolano deverá actuar, no dia 27 de Julho, um dia depois do concerto de Quim Barreiros, cantor de música popular portuguesa já confirmado para abrilhantar aquele que é considerado um dos eventos mais badalados do Madeira, que se realiza na altura do Verão.

O DIÁRIO contactou Nélio Sequeira, vereador da Câmara Municipal do Porto Moniz, entidade promotora da iniciativa, que disse já estar tudo “mais ou menos pensado em quem é que vem”, mas preferiu não “confirmar nomes”, porque ainda estão em “processo de negociação”.

Com a vinda de Anselmo Ralph novamente à Madeira, os madeirenses irão ter a oportunidade de ouvir alguns dos seus mais badalados temas, que fizeram (e fazem) furor nas rádios e nas pistas de dança, como ‘Não me Toca’, ‘Única Mulher’, ‘Vai com Calma’, ‘Curtição’, ‘Por Favor DJ’ e ‘Ensina-me a Amar’.

O cantor de R&B, Soul e Kizomba angolano já actuou duas vezes na Região, uma na Praça do Povo e outra na 5.ª edição do Festival Sons do Mar, no Parque de Santa Catarina, tendo enchido os recintos dos espectáculos, ou não fosse um dos músicos que mais arrasta multidões devido às suas músicas, bem como à sua performance em cima do palco, onde proporciona um concerto interactivo, com muita luz e ‘efeitos especiais’ dignos de uma ‘estrela’.

O artista fez parte do grupo New Generation Band (NGB) com quem gravou o seu primeiro disco. Foi nomeado ‘Melhor Cantor de R&B’ pela cadeia televisiva ‘O Channel’, da África do Sul, e no ‘MTV Europe Music Awards 2006’ recebeu o prémio na categoria de ‘Melhor Artista Africano’.

Em 2011, Anselmo Ralph entra em força com o álbum ‘A Dor Do Cupido’ que em apenas dois dias vendeu 42 mil cópias, alcançando nos três meses seguintes a venda de 90 mil cópias, tendo rapidamente se tornado um grande sucesso nacional e internacional.

Em 2105, brilhou (ainda mais) com o documentário ‘Vontade de Vencer’, que foi realizado por André Banza, sendo este o resultado do trabalho de um ano acompanhando a vida pessoal e profissional do cantor.

Com este documentário, o realizador ‘descortinou’ o artista, dando a conhecer seu lado mais pessoal, as suas relações familiares, a sua ligação aos fãs e a sua luta diária contra a miastenia grave, uma doença neuromuscular auto-imune que provoca fadiga dos músculos voluntários. A crítica enalteceu este trabalho e o público passou a venerar ainda mais o músico, que nasceu em Luanda (Angola), no dia 12 de Março de 1981.

Além disso, é um dos elementos do júri do programa de caça-talentos da RTP-1 ‘The Voice Portugal’, tendo inclusive sido o mentor escolhido pelo madeirense Pedro Garcia, no ano em que este participou no concurso. Mas foi com o concorrente Rui Drumond que sentiu na pele o ‘sabor da vitória’, pelo facto de ter sido este a vencer o ‘The Voice Portugal’ na segunda temporada.

Além de Anselmo Ralph e Quim Barreiros, a Semana do Mar do Porto Moniz contará ainda com DJ’s nacionais e internacionais de topo, que vêm pela mão do Café do Teatro que, este ano, volta a ser um dos parceiros. Isto num evento para todo o tipo de público, que é considerado o maior do concelho a nível cultural, recreativo e desportivo, onde durante uma semana realizam-se inúmeras actividades náuticas, mostras gastronómicas e animação musical.

Conhecida por arrastar multidões até ao concelho, refira-se que, no ano passado, passaram pela Semana do Mar cerca de 80 mil pessoas.

Outras Notícias