Alfredo’s Cup sem surpresas

Os veteranos tiveram mais

07 Dez 2017 / 02:00 H.

Dos desfechos acontecidos em mais uma ronda da Alfredo’s Cup, ressalta desde logo a circunstância de ter havido apenas um empate. Aconteceu no União-Santacruzense, com 2-2 final. Um desfecho que já não surpreende pois os azuis-amarelos têm dado mostras de alguma fragilidade, em relação à última época, no começo da actual temporada.

Registe-se que a Taça é disputada, nesta primeira fase, por grupos, sendo que os dois primeiros de cada grupo passam à fase seguinte, acontecendo o mesmo em relação aos dois melhores terceiros classificados nos grupos de quatro equipas.

Perante este quadro e os resultado verificados, já há equipas que não dependem da última jornada para seguirem em frente. São os casos, por exemplo, do Alberto Oculista, Marítimo, Sporting, Estreito, Nacional...

Destaque para os ‘oculistas’, estreantes no futebol dos veteranos e que ainda não perderam – nem para o campeonato, nem para a Taça. Nesta, venceram sábado o Caniçal por 2-0.

Também estreante e ainda invicto, está o Portosantense. Mais que invicto, cem por cento vitorioso. Embora haja que salientar que apenas tem dois jogos disputados – o conjunto da lha Dourada não participar na Liga Venda do Sócio. Na Taça é sempre ‘chapa 3’: 3-0 ao Porto da Cruz, 3-0, agora, ao Santo da Serra. Sábado, o Portosantense recebe o São Paulo. Vamos aguardar...

Um dos jogos mais equilibrados aconteceu na Choupana, com o Nacional a receber e a derrotar a AD Machico por 2-1, com arbitragem de Nélia Freitas. E Hugo Barros voltou a mostrar a sua veia goleadora ao assinar os dois golos alvinegros. Também à tangente o Estrela da Calheta derrotou o Andorinha, em desafio, mesmo assim, tranquilo.

Porventura o desfecho menos inesperado aconteceu na recepção do 1º de Maio ao Boaventura já que os visitantes venceram, 3-2.

Descansadas foram as vitórias de Marítimo (3-0 ao Ribeira Brava), Pontassolense (4-0 ao Santana) e Juventude de Gaula ao Choupana (5-1).