CMF recebe amanhã concerto de Guitarra Clássica com Isabel Rey Samartim

01 Out 2014 / 10:50 H.

A Associação Orquestra Clássica da Madeira apresenta o concerto de Guitarra Clássica com Isabel Rey Samartim, amanhã, dia 2 de outubro (quinta-feira), pelas 21h00, no Salão Nobre da Câmara Municipal do Funchal.

Do programa do evento fazem parte o Manuscrito da Madeira - século XIX (único a nível nacional) - Polka Mazurca (arr. J. M. J. Cabral)  e Manuscrito da Galiza (Valladares) - século XIX - Andante com variações do Maestro Naya, entre outros.


O Manuscrito da Madeira, propriedade do Professore Manuel Morais, é um conjunto de partituras da primeira metade do s. XIX achado no Funchal, a conter peças a solo, a duo e para voz e guitarra, ou viola, que revelam a atividade do guitarrista madeirense J. M. J. Cabral para além de outros autores europeus como o italiano E. Carosio ou o austríaco S. Neukomm, quem morou um tempo no Brasil. Ademais da sua qualidade musical, o manuscrito revela-se fundamental para conhecer o reportório dos guitarristas da primeira metade do século.
O Manuscrito da família Valladares (Galiza) é um conjunto de partituras achado na casa dos Valladares e conservado ali mesmo em perfeito estado junto com os instrumentos da família. O total do arquivo chega às 600 peças para guitarra, voz e guitarra, piano, voz e piano, flauta e violino, revelando a intensa atividade musical desta família galega. O carácter e tipo das peças é similar ao arquivo da Madeira. Nesta seleção aparecem duas peças com sabor galego: a alvorada e a moinheira.

Isabel Rei Samartim (A Estrada, 1973) estudou viola na Galiza e na Alemanha (Weimar) com os professores António Rocha, David Russell e Thomas Müller-Pering. Foi premiada no Ciclo de Jóvenes Intérpretes da Fundação Pedro Barrié de la Maza (Crunha), no Concurso Internacional de Guitarra de Cantabria (Comilhas), no Concorso Internazionale di Chitarra Fernando Sor (Roma) e nos concursos internacionais de Vila de Petrer (Alacant) e Andrés Segovia de Linares (Jaen). Estreou obras de Eduardo Morales, Rudesindo Soutelo e Antonio Rocha.  Prepara a edição e gravação do acervo musical da família Valladares (Vilancosta, Galiza), a conter obras para guitarra, entre outros instrumentos. 

 
Os bilhetes (10,00€) podem ser adquiridos uma hora antes no local do concerto ou reservados para o 926 421 164 (através de SMS), ou pelo email correiarm2@gmail.com

Outras Notícias