Mestrado para alunos pré-Bolonha com propinas de licenciatura

23 Fev 2011 / 13:14 H.

Os alunos que se licenciaram antes do Processo de Bolonha terão, além de menos cadeiras e um acesso mais rápido, uma propina mais baixa caso queiram fazer um mestrado na Universidade da Madeira. A garantia foi dada esta manhã pelo reitor aos responsáveis da Associação dos Antigos Alunos da Universidade da Madeira. Estes licenciados - que têm mais um ou dois anos de tempo de licenciatura que os actuais licenciados - irão pagar apenas 986,88 euros, o custo da propina anual das licenciaturas na Universidade da Madeira.

Além do valor da propina, estes licenciados podem dispensar a tese e a frequência do semestre de aulas dos mestrados para aceder ao grau académico. Caso estejam no mercado de trabalho há mais de cinco anos, basta fazer o relatório da sua actividade laboral. No entanto, conforme explicou Sara André, da Associação dos Antigos Alunos da UMa, esse relatório, que exige uma apresentação pública, será acompanhado por docentes do colégio a que pretencem.

Estes alunos podem também - caso não estejam a trabalhar há cinco anos - optar por fazer uma tese de mestrado, podendo ser dispensados do semestre de aulas. Ainda que, nestas situações, o reitor da UMa tenha explicado que há a necessidade de frequentar três cadeiras, nunca a totalidade das disciplinas.

Outras Notícias