Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia suspendeu concurso para novos agentes

Excesso de propostas no concurso anterior motiva suspensão

25 Jan 2008 / 11:40 H.

    O Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia suspendeu o processo de selecção de candidaturas a agentes que ia começar a 1 de Fevereiro, devido ao excesso de propostas no concurso anterior, disse hoje o administrador do departamento.
    Vítor Porto referiu à Lusa que, ao contrário do que está previsto no regulamento, este ano não vai ser aberto concurso para novos mediadores (agentes de colocação das apostas), adiantando que foram hoje publicados vários anúncios nos jornais para que não sejam criadas 'expectativas' entre os interessados.
    O director do Departamento de Jogos explicou que a selecção do último concurso só ficou terminada no final de 2007, não fazendo sentido abrir novo concurso em Fevereiro.
    A mesma fonte adiantou que o último concurso decorreu entre 1 de Setembro e 31 de Outubro de 2006, a título excepcional, porque o regulamento só tinha sido aprovado em Julho desse ano.
    O processo de selecção só ficou terminado em Dezembro, tendo o director justificado a demora com a 'avalanche de interessados' e com o 'imenso trabalho administrativo' que é necessário.
    Na selecção são tidos em conta factores como a localização, acessibilidades, condições logísticas e o interesse geográfico.
    O responsável pelo Departamento de Jogos desconhece para já quando será aberto novo concurso.Lusa