Seleccionador da Arábia Saudita desvaloriza ausência de Cristiano Ronaldo

09 Nov 2017 / 20:00 H.

O selecionador da Arábia Saudita, Edgardo Bauza, considerou hoje que o jogo com Portugal é mais um passo na preparação para o Mundial de 2018, na Rússia, onde os asiáticos querem ultrapassar a fase de grupos.

“O importante era estarmos no Mundial. Defrontar equipas de topo, como Portugal, faz parte do nosso programa de preparação”, sustentou o treinador argentino.

Na antevisão à partida de sexta feira, em Viseu, o selecionador da Arábia Saudita não escondeu que a sua equipa vai ter “um jogo difícil, contra uma seleção de topo mundial”, desvalorizando o facto de Portugal não apresentar alguns dos habituais titulares, nomeadamente o ‘capitão’ Cristiano Ronaldo.

“Portugal tem um naipe de grandes jogadores, capaz de suprimir a falta deste ou daquele”, referiu Bauza, que só assumiu o comando da seleção saudita depois da fase de qualificação.

O experiente técnico argentino vai cumprir face a Portugal apenas o seu segundo jogo ao comando da seleção da Arábia Saudita, depois do 2-0 à Letónia, na terça-feira, no Estádio Nacional.

“A equipa está-se a habituar a novos métodos de trabalho e um próprio estou ainda a conhecer melhor os seus jogadores”, disse o técnico argentino.

A conferência de imprensa contou ainda com a presença do ‘capitão’ dos sauditas, Osama Hawsawi, que falou da ausência de Cristiano Ronaldo.

“Defrontar o melhor do mundo é sempre um prazer e uma motivação especial para qualquer jogador, mas Portugal tem outros atletas de classe mundial e será um jogo especial”, afirmou.

O encontro particular entre Portugal e a Arábia Saudita realiza-se na sexta-feira, pelas 20:45, no Estádio do Fontelo, em Viseu.

Outras Notícias