Seleção de canoagem na Taça do Mundo da Hungria sem David Fernandes

Atleta olímpico madeirense não foi chamado para a primeira prova internacional

16 Mai 2018 / 00:05 H.

A seleção de canoagem de Portugal inicia na sexta-feira a época desportiva, na Taça do Mundo de Szeged, Hungria, mas com o foco no Mundial que vai decorrer pela primeira vez em solo luso, em Montemor-o-Velho, de 22 a 26 de agosto.

“É a prova mais importante deste ano, para o qual temos apontadas todas as nossas baterias, pois é nosso objetivo em casa, perante o nosso público, dignificar ao máximo as cores nacionais e lutar pelos lugares cimeiros no maior número de provas possível”, disse à Lusa o diretor técnico nacional, Ricardo Machado.

Portugal, que partiu ontem do Porto para a Hungria, vai estar representado por 12 canoístas, sete masculinos e quatro femininos, que vão participar em três provas, incluindo Fernando Pimenta que competirá em K1 500, 1000 e 5000, e com a ausência do olímpico madeirense David Fernande.

“É a primeira competição internacional da época, onde o objetivo principal é aferir o nível de preparação dos nossos atletas, bem como algumas das alterações que fizemos na composição e no posicionamento de algumas das embarcações de equipa”, esclareceu o responsável.

O Campeonato da Europa, que irá ser disputado em Belgrado, de 08 a 10 de junho, será outro dos importantes pontos de aferição da época.

“Estamos confiantes de podermos obter bons resultados e que principalmente que se verifique uma boa evolução em relação aos desempenhos de 2017”, completou.

Nas tripulações, as maiores novidades são a integração do ex-júnior Messias Batista no K4, que substitui o ‘veterano’ David Fernandes e se junta a João Ribeiro, Emanuel Silva e David Varela.

João Ribeiro troca de posição com Emanuel Silva no K2 e K4 500, passando a ser o ‘voga’ (vai à frente).

Em femininos, Teresa Portela e Joana Vasconcelos competem no K2 500 e ainda no K4 500, neste caso juntamente com Francisca Laia e a ex-júnior Francisca Carvalho, novidade na equipa.

A jovem Márcia Aldeias vai fazer o K1 200 e o K1 500.

Nas canoas, Marco Apura e Bruno Afonso competem em C2 200, 500 e 1000 e Marco fará ainda o C1 5000.

Outras Notícias