Ogier assume comando após toque de Tänak no Rali de Portugal

20 Mai 2017 / 15:11 H.

Rali de Portugal Ogier assume comando após toque de Tänak

20/05/2017 Matosinhos, Porto, 20 mai (Lusa) -- O francês Sébastien Ogier (Ford Fiesta) assumiu hoje a liderança do Rali de Portugal, da sexta prova do Mundial, após as primeiras três especiais do dia, aproveitando os deslizes do estónio e companheiro de Ott Tänak.

O anterior líder começou ao ‘ataque’, conseguindo defender o primeiro lugar nos troços de Vieira do Minho e em Cabeceiras de Basto, onde foi o mais rápido, mas acabou por cair para quinto, na especial de Amarante, na sequência de um toque e um despiste, quando já tinha uma roda traseira desalinhada.

“Bati num morro, do lado de fora, numa travagem a cerca de 20 quilómetros do fim e, imediatamente, algo se partiu”, explicou Tänak, que ocupa o quarto lugar do Mundial e ainda procura o primeiro triunfo.

O tetracampeão e líder do mundial, autor dos melhores registos na primeira e na terceira especiais do dia, terminou a primeira secção no primeiro lugar, com 19,5 segundos de vantagem sobre o belga Thierry Neuville e 25 sobre o espanhol Dani Sordo, ambos em Hyundai i20.

“Foi bom, hoje está a ser um rali diferente para mim e conseguir um bom resultado é importante”, referiu Ogier, igualmente quatro vezes vencedor da prova lusa, lamentando os azares de Tänak, reconhecendo que o seu andamento estava a “promover a competitividade do campeonato”.

Neuville, vencedor dos dois últimos ralis e terceiro do Mundial, destacou a sua “condução eficiente”, que lhe permitiu instalar-se no segundo posto, depois de ter sido beneficiado de uma correção do tempo na especial de Ponte de Lima, na véspera, que então o promoveu de sexto para quarto na competição.

Entre o pódio e Tänak, quinto a 1.16,8 minutos, surge o primeiro Citroën C3, o do irlandês Craig Breen, a 46,2 segundos de Ogier, à frente dos finlandeses da Toyota Juho Hanninen, sexto a 1.39,5, e Jari-Matti Latvala, segundo do Mundial, que se atrasou na sexta-feira e hoje se depara com “mal-estar físico e febre” e fecha o ‘top-10’, a mais de cinco minutos do líder.

A secção da tarde repete as provas especiais de classificação da manhã, com novas passagens por Vieira do Minho (22,47 km), Cabeceiras de Basto (22,3 km) e Amarante (37,55 km), a partir das 15:46, quando partir o ucraniano Valeriy Gorban (BMW-Mini).

Outras Notícias