Manchester City vence Watford, de Marco Silva, e consolida liderança em Inglaterra

02 Jan 2018 / 22:19 H.

O Manchester City venceu hoje em casa o Watford, de Marco Silva, por 3-1, em jogo da 22.ª jornada da Liga inglesa de futebol, que lidera com 15 pontos de vantagem sobre o Manchester United.

Golos de Sterling, logo no primeiro minuto, Kabasele, na própria baliza aos 13, e Aguero, aos 63, deram a vitória à equipa de Pep Guardiola, com Gray a fazer o tento de honra dos visitantes aos 82.

O extremo inglês adiantou os ‘citizens’ logo aos 39 segundos, após cruzamento do alemão Sané, antes de Kabasele ‘emendar’ para a própria baliza um passe do belga De Bruyne.

O City, que teve Bernardo Silva a partir dos 79 minutos, não abrandou desde então e controlou sempre o encontro, chegando ao terceiro por Aguero aos 63, após uma defesa incompleta do brasileiro Gomes deixar a bola nos pés do argentino, melhor marcador da história do clube.

O melhor que a equipa de Marco Silva conseguiu fazer foi reduzir, com Gray a marcar após cruzamento do peruano Carrillo, emprestado pelo Benfica, mas os três pontos não saíram de Manchester.

O City tem agora 62 pontos, mais 15 que o United, de José Mourinho, que é segundo à condição com 47, e 17 que o campeão em título Chelsea, que só joga na quarta-feira.

Já o Watford somou a sétima derrota nos últimos 10 jogos, nos quais venceu apenas por duas ocasiões, e é agora 10.º, com 25 pontos, cinco acima da zona de despromoção.

Antes, o Tottenham foi vencer por 2-0 a casa do lanterna-vermelha Swansea, de Carlos Carvalhal, com o espanhol Llorente a marcar à antiga equipa aos 12 minutos, após um livre do dinamarquês Eriksen.

Os londrinos estiveram sempre por cima do encontro, com os galeses, que tiveram Renato Sanches no ‘onze’, à procura de oportunidades no contra-ataque.

O golo de Dele Alli, aos 89, confirmou a vitória dos ‘spurs’, que subiram ao quinto lugar, com 40 pontos, enquanto o Swansea continua em último, com 16.

Em Londres, o West Bromwich Albion adiantou-se em casa do West Ham graças a um grande golo de McClean, aos 30 minutos, mas um ‘bis’ de Andy Carroll, aos 59 e aos 90, deu a vitória aos ‘hammers’, que tiveram Domingos Quina no banco de suplentes.

Com este resultado, a equipa de David Moyes deixou os lugares de despromoção e subiu a 16.º, com 21 pontos, mais cinco que o West Brom, que é 19.º e penúltimo classificado.

Os londrinos do Crystal Palace também venceram ao operarem uma reviravolta, depois de terem sofrido primeiro em casa do Southampton, graças a um tento de Shane Long (17).

No segundo tempo, McArthur (69) e Milivojevic (80) viraram o resultado e ajudaram a equipa de Roy Hodgson a continuar a subida na tabela, na qual são 14.º com 22 pontos, mais dois que os ‘saints’, que caíram para o 16.º posto, o primeiro acima da zona de descida.

Na quarta-feira, num ‘dérbi’ de Londres, o Chelsea visita o Arsenal à procura de vencer para subir ao segundo posto.

Tópicos

Outras Notícias